Começa a Era Rueda no Chile
  João Moreira     |       19 jan 2018

Começa a Era Rueda no Chile

O ex-treinador do Flamengo foi apresentado oficialmente no fim da tarde desta sexta-feira como novo técnico da seleção chilena. O comandante foi recebido com muita expectativa na capital chilena. Reinaldo Rueda, que tem contrato até 2021 e que será automaticamente renovado até 2022 caso o Chile se classifique pra Copa do Catar, falou sobre os desafios e objetivos a frente da Roja.

FORA DA RÚSSIA 2018

Rueda declarou que a falha na conquista de uma vaga para a Copa do Mundo é algo que incomoda e não poderia ser de outra forma. Mas que isso serve de aprendizado. Frisou a necessidade de coerência e continuidade de trabalho. E ainda finalizou com otimismo ao salientar que só dependem de si para retornar ao Mundial.

OS DOIS PRINCIPAIS OBJETIVOS

O treinador colocou duas metas: uma a médio e a outra a longo prazo. A mais próxima é a conquista da Copa América de 2019, que será disputada no Brasil. A grande e um pouquinho mais longa é a classificação para a Copa de 2022 no Catar.

FILOSOFIA

A seleção chilena sofreu muito com os problemas de indisciplina nos últimos anos. Rueda já chegou dando o recado e disse que é caracterizado pelo trabalho e por formar grupos que se respeitam. O novo comandante ainda afirmou que aqueles que cometerem erros terão muito azar.

REFORMULAÇÃO

Um dos pedidos da Federação Chilena é que o colombiano renove aos poucos os jogadores da seleção. Rueda declarou que é um processo muito difícil, que os jogadores atuais ainda têm muito a oferecer e citou os casos de Alemanha e Brasil para demonstrar que esse é um processo de muitos anos. Nas primeiras convocações, Rueda pretende chamar jogadores já estabelecidos e também algumas jovens promessas.

Foto: Twitter oficial da Seleção Chilena