Clássico de Madri agita domingo de La Liga

  Pedro Ferrari     |       07 abr 2018

Divididos entre competições internacionais e longe da briga pelo título do Campeonato Espanhol, Real e Atlético fazem o clássico de Madri neste domingo, pela 32ª rodada do torneio. Será realizado no Santiago Bernabéu a partir das 11h15.

REAL MADRID

O Real já assegurou o resultado espetacular da semana. Na terça-feira, goleou a Juventus, por 3 a 0, na partida de ida das quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. Abriu, assim, uma gigantesca vantagem para o jogo de volta, que está agendado para 11 de abril. Como tem uma vantagem grande pro jogo da volta, o treinador Zidane deve colocar um time bem próximo do titular, se não inteiramente titular, para encarar o Atlético. A única ausência certa para a partida é do zagueiro Nacho. Ele está machucado. Com 63 pontos, o Real ocupa o terceiro lugar do Campeonato Espanhol. Como não tem esperanças de título, ficar entre os três primeiros serviria como um “plano B” para garantir a vaga direta na fase de grupos da próxima edição da Liga dos Campeões da Europa.

ATLÉTICO

O foco do Atlético de Madrid também é internacional. Ainda que o time esteja na segunda colocação de La Liga com 67 pontos, a possibilidade de título é remota. Assim, a Liga Europa virou o principal objetivo e tem reflexo direto para o clássico. O calendário do torneio, que realiza jogos sempre às quintas-feiras, fez com que o Atlético tivesse 48 horas a menos em sua preparação para o duelo contra o Real. Isso pode influenciar o técnico Diego Simeone na hora da escalação. O maior problema é na defesa, onde não tem muitas opções. Afinal, quatro jogadores do setor estão machucados. São eles Filipe Luís, Sergio González, Juanfran e Sime Vrsaljko.

PALPITE PARA O DUELO

A chance do Atlético de Madrid sair vencedor do confronto depende de Zidane. Se o treinador francês resolver botar seu time titular em campo, ninguém arranca a vitória do Real.

Foto: ndtvsports