Arsenal duela diante do Watford no Inglesão

Arsenal duela diante do Watford no Inglesão

  Pedro Ferrari     |       10 mar 2018

Sem ter muito o que almejar na reta final do Campeonato Inglês 2018, o Arsenal recebe neste domingo, 11 de março, no Emirates Stadium, em Londres, o Watford. O jogo faz parte da programação da trigésima rodada do torneio. O pontapé inicial está marcado para 10h30.

ARSENAL

Os atletas do Arsenal parecem ter decidido tomar o controle das decisões para superar a teimosia do técnico Arséne Wenger. Depois de uma série de atuações abaixo da média no Campeonato Inglês, derrotaram o Milan, em Milão, por 2 a 0, nas oitavas de final da Liga Europa. É possível que seja promovido o revezamento no elenco no Campeonato Inglês, uma vez que há muito pouco a ser conquistado na competição nacional. Com 45 pontos, os Gunners estão em uma modesta sexta posição, sem chances de título ou vaga na Champions. Além de preservar alguns jogadores para a partida contra o Milan, o treinador poderia usar o jogo deste domingo como plataforma para testar as condições físicas dos defensores Hector Bellerin e Nacho Monreal, além do atacante Alexandre Lacazette, que estão em processo de recuperação de lesão. Isso, naturalmente, se forem liberados pelo departamento médico.

WATFORD CHEGA EM BOA FASE E CHEIO DE DESFALQUES

Depois de um começo impressionante quando conseguiu se inserir na zona de classificação para torneios europeus e uma queda na mesma proporção que causou a troca de comando, o Watford vai retomando seu melhor caminho. Nas quatro últimas partidas, acumulou três vitórias. Com isso, subiu para 36 pontos. Ocupa o nono lugar. O técnico Javier Gracia precisa administrar os muitos problemas médicos que o elenco vem apresentando. Estão em tratamento de lesão os defensores Christian Kabasele, Molla Wague e Younes Kaboul, os meias Nathaniel Chalobah, Tom Cleverley e Gerard Deulofeu e o atacante Jerome Sinclair.

PALPITE CERTEIRO

Dificilmente o Watford conseguirá superar o Arsenal no Emirates Stadium. A equipe de Wenger, apesar da má fase, é forte dentro de sua casa e com o alto número de desfalques do adversário, deverá vencer sem grandes dificuldades.

Foto: Getty Images