Pedro Ferrari     |       11 fev 2018

Em crise, Chelsea enfrenta o West Brom

Mergulhado na crise e na iminência de demitir seu treinador, o Chelsea fecha nesta segunda-feira, a vigésima sétima rodada do Campeonato Inglês. A partir das 18h vai enfrentar o West Bromwich em Stamford Bridge, Londres.

CHELSEA NA PIOR

O Chelsea foi massacrado pelo Watford na rodada anterior. Levou 4 a 1 na casa do rival. O time levou três gols em um intervalo de seis minutos. Ficou estacionado nos 50 pontos e ocupando a quarta posição da Premier League ao final da vigésima sexta rodada. As três derrotas nas quatro últimas partidas fizeram aumentar a especulação sobre a demissão do técnico italiano Antonio Conte. Ele tem contrato até o final da temporada, mas vem batendo de frente com a diretoria do time com reclamações por reforços publicamente. Um fracasso nesta partida pode ser determinante nesse sentido. Até porque o time vai encarar, no próximo dia 20, o Barcelona, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa.

WEST BROM TENTANDO FUGIR DA DEGOLA

O West Bromwich segura a lanterna da Premier League e sabe que seguirá na vigésima posição ao final da vigésima sétima rodada. Tem 20 pontos (três vitórias, 11 empates e 12 derrotas) e precisa embalar uma série de vitórias se quiser ter esperanças de não cair para a segundona inglesa. A vitória diante do Chelsea, em pleno Stamford Bridge, não é nada fácil e para piorar a situação do técnico Alan Pardew, o departamento médico está cheio. Estão fazendo tratamento para recuperar-se de lesões os defensores Jonny Evans e Kieran Gibbs e os meias Nacer Chadli, Grzegorz Krychowiak, Jake Livermore, James Morrison e Hal Robson-Kanu.

PALPITE CERTEIRO

O Chelsea vive uma fase terrível, no entanto, ainda é melhor do que o futebol apresentado pelo West Brom. Dificilmente os Blues serão surpreendidos dentro de seu estádio e devem vencer a partida até com uma certa tranquilidade.

Foto: Getty Images