João Moreira     |       05 mar 2018

Capitão da Fiorentina é encontrado morto em quarto de hotel

O domingo foi marcado por uma grande tragédia no futebol italiano. Davide Astori, zagueiro e capitão da Fiorentina, foi encontrado morto no quarto do hotel onde estava concentrado com a Viola, em Udine, para a partida contra a Udinese, que aconteceria na tarde do mesmo dia. A causa da morte do jogador de 31 anos ainda não foi confirmada, mas relatos indicam que Astori morreu provavelmente por causa de uma parada cardiorrespiratória. O primeiro a encontrar o corpo do atleta foi o massagista do clube, que estranhou o fato do capitão não ter descido para o café da manhã e foi até o quarto do zagueiro, onde o encontrou já sem vida. Astori deixa mulher e uma filha de dois anos. Diante desta tragédia, os jogos que completariam a 27ª rodada do campeonato italiano foram adiados.

CARREIRA

Davide Astori começou a carreira no Milan e teve períodos de empréstimos a clubes como Cremonese e Pizzighettone. Em julho de 2008, o zagueiro se transferiu ao Cagliari, onde permaneceu por seis anos. Em 2014, jogou na Roma por empréstimo de um ano. Chegou à Fiorentina em 2015 e logo conquistou espaço no clube. Na atual temporada, todo seu prestígio foi reconhecido ao receber a faixa de capitão da equipe. Astori jogou 14 partidas pela seleção italiana e disputou a Copa das Confederações de 2013 com a Azzurra.

Foto: Divulgação/Fiorentina