João Moreira     |       28 mai 2018

França vence a Irlanda em teste pré-Copa

Os comandados de Didier Deschamps realizaram hoje o primeiro de três desafios na preparação para a Copa do Mundo. O adversário desta segunda-feira, a Irlanda, não está no Mundial, mas é um adversário considerado encardido e de um futebol bem defensivo. O primeiro teste foi superado de maneira satisfatória com uma vitória por 2 a 0. Agora, a França ainda encara a Itália (1/6) e os Estados Unidos (9/6) antes da estreia na Copa no dia 16, diante da Austrália. Os franceses estão no grupo C ao lado de Peru, Dinamarca e da já mencionada Austrália.

O JOGO

Como era de se imaginar, a França dominou o duelo do começo ao fim da partida. Dando-se ao luxo de preservar algumas estrelas no banco de reservas, Deschamps montou uma equipe ofensiva baseada num 4-3-3, tendo em Mbappé o principal articulador das jogadas ofensivas. O atacante do PSG teve liberdade para atuar em campo e a utilizou para jogar ora pelo lado direito, ora alternado para a outra ponta e por vezes jogando mais recuado pelo meio como um camisa dez de chegada na área. E foi por meio dos pés do atacante de 19 anos que a França conseguiu suas principais investidas. Apesar do amplo domínio, os Bleus só foram abrir o placar no fim do primeiro tempo com Giroud, que precisou de três tentativas antes de conseguir empurrar a bola pra rede. Mal deu tempo de comemorar o gol do camisa nove, a França aumentou o placar. Dessa vez com uma grande contribuição do goleiro Doyle. Fekir chutou da entrada da área uma bola defensável. O irlandês espalmou a bola mal e ela acabou caindo dentro do gol. Com a vantagem no placar, o time francês deu aquela famosa “tirada de pé” no segundo tempo, atitude justificada por medo de uma lesão ou de um desgaste desnecessário às vésperas do Mundial. Se a segunda etapa serviu de algo foi para agraciar o público com a entrada de astros como Griezmann, Pogba e Dembélé.

ESTATÍSTICAS

Posse de Bola - (FRA) 69% / 31% (IRL)
Chutes a gol - (FRA) 14 / 3 (IRL)
Chutes no gol - (FRA) 6 / 1 (IRL)
Escanteios - (FRA) 9 / 2 (IRL)
Impedimentos - (FRA) 1 / 1 (IRL)
Faltas - (FRA) 10 / 19 (IRL)

ESCALAÇÕES

FRANÇA: Mandanda; Sidibe (Pavard), Rami, Umtiti (Kimpembe) e Mendy (Lucas Hernández); Tolisso (Pogba), N’Zonzi e Matuidi; Mbappé (Dembélé), Giroud e Fekir (Griezmann)
Técnico: Didier Deschamps

IRLANDA: Colin Doyle; Coleman, Kevin Long, Duffy e Derrick Williams (Doherty); Declan Rice, Browne (Arter), O’Dowda (Burke) e Walters (Meyler); Shane Long (Judge) e James McCLean

Técnico: Martin O’Neill

GOLS: FRA - Giroud (40’ 1T) e Fekir (43’ 1T)

Foto: Twitter/@equipedefrance