Pedro Ferrari     |       20 abr 2018

HORA DA DECISÃO: Sevilla x Barça na Copa do Rei

Novinho em folha, o estádio Wanda Metropolitano, do Atlético de Madrid, será a sede, neste sábado, da decisão da Copa do Rei da Espanha. A partir das 16h30, a bola vai rolar para Sevilla e Barcelona. A definição acontecerá em partida única. Em caso de empate, será realizada prorrogação de 30 minutos. Persistindo a igualdade, a decisão acontecerá através de cobranças de pênaltis.

SEVILLA QUER SALVAR O ANO

Apesar de ser considerado uma zebra, o Sevilla chega muito mais pressionado à decisão. Não vence há mais de um mês. Nesse período, de quatro empates e duas derrotas, não apenas foi eliminado nas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa pelo Bayern de Munique, como saiu da zona de classificação para competições internacionais através do Espanhol. Isso faz com que a Copa do Rei seja uma tábua de salvação na temporada. Para a decisão, o técnico italiano Vicenzo Montella tem apenas uma dúvida. O zagueiro dinamarquês Simon Kjaer sofreu uma lesão muscular que o tirou das três últimas partidas. Deve passar por nova avaliação. Se for liberado, muito provavelmente será relacionado como titular. A certeza de baixa fica com o defensor francês Lionel Carole.

BARÇA CHEGA FORTE

Com 83 pontos e na liderança do Campeonato Espanhol, o Barça já tem a mão na taça. Assim, entrou com time misto na última rodada, diante do Celta de Vigo, para dar um descanso a atletas como o defensor Gerard Piqué, o meia Andres Iniesta e os atacantes Lionel Messi e Luis Suárez. Quem também deve voltar ao time é o meia Sergio Busquets, em fase final de recuperação de lesão. Depende, no entanto, de novos exames para saber se será liberado. Caso isso aconteça, deverá ficar no banco de reservas. O Barcelona teve o Murcia como primeiro rival na Copa do Rei. Depois, passou pelo Celta e nas quartas de final, chegou a levar um susto, mas passou pelo Espanyol. Nas semifinais, superou o Valencia com duas vitórias.

PALPITE CERTEIRO

O Sevilla enfrenta uma crise em seu futebol. Há um mês sem vencer, tem pela frente o todo poderoso Barcelona. Assim, será difícil sair vencedor do confronto. O Barça deve assumir, novamente, o protagonismo e conquistar o título, com show de Lionel Messi.

Foto: Getty Images