João Moreira     |       08 fev 2018

Millonarios é campeão na Colômbia

Adversário do Corinthians na fase de grupos da Copa Libertadores, o Millonarios sagrou-se campão da Superliga da Colômbia na noite desta quarta-feira, ao vencer o Atlético Nacional por 2 a 1 em pleno Atanasio Girardot. Depois de empatar em 0 a 0 no jogo de ida, a vitória garantiu o título ao time de Bogotá. É a primeira vez que o Millonarios conquista a Superliga.

O JOGO

Desde o primeiro minuto a partida se mostrou intensa e cheia de possibilidades para as duas equipes. O estilo ofensivo do Atlético Nacional e a maneira aguerrida de atuar do Millonarios tornaram a disputa bem aberta e interessante. Jogando em casa e empurrado pela torcida, os verdolagas abriram o placar com o atacante Rentería (Não, não é aquele que passou pelo Internacional). Logo após o gol, os donos da casa tiveram a chance de aumentar a vantagem, mas o zagueiro Banguero salvou uma bola em cima da linha. A desvantagem não abalou o Millonarios. O time continuou no seu ritmo de jogo e foi recompensado ainda no primeiro tempo. O paraguaio Ovelar fez de esquerda o gol de empate. No segundo tempo, os visitantes voltaram melhor e se aproveitaram do ímpeto ofensivo do rival, que deixava muitos espaços. Logo aos 10 minutos, de novo ele, Ovelar, acertou um chute do meio da rua e colocou o Millonarios na frente. Depois disso, o desespero tomou conta do Atlético Nacional, que não conseguiu chegar com perigo e viu ao apito final o Millonarios levantar a taça em seu próprio campo. O time de Bogotá não vencia o rival em Medellín desde 2011.

HOMENAGEM

Quem dirigiu o Millonarios na partida foi o auxiliar-técnico Hugo Gottardi. Isso porque o técnico Miguel Russo está internado devido à uma infecção urinária. O treinador argentino se curou de um câncer recentemente, porém o tratamento e a cirurgia para se livrar da doença debilitaram a saúde do argentino de 61 anos. Ao fim da partida, jogadores e comissão técnica deram inúmeras entrevistas emocionados nas quais dedicavam o título a Russo. O treinador deve voltar ao comando da equipe nas próximas semanas.

Foto: Futbolred