Palmeiras e Boca Juniors reeditam duelo histórico

  Pedro Ferrari     |       10 abr 2018

Ainda juntando os cacos da derrota na decisão do Campeonato Paulista diante do Corinthians, o Palmeiras reeditará nesta quarta-feira, pela fase de grupos da Copa Libertadores da América, um duelo que marcou época recentemente, quando se enfrentaram nas finais de 2000 e semifinais de 2001. No Allianz Parque, em São Paulo, vai receber o Boca Juniors. As equipes estão no grupo 8, que é liderado pelos palmeirenses com seis pontos. Os argentinos, com quatro, ocupam o segundo lugar. Com um ponto, o Alianza Lima-PER é o terceiro. A lanterna está nas mãos do Junior Barranquilla, da Colômbia, que ainda não pontuou.

PALMEIRAS TENTA RECUPERAR MORAL

O alviverde sofreu no domingo um duro baque ao perder, nos pênaltis, o título do Paulista para seu maior rival, dentro do Allianz Parque. O resultado, como era de se esperar, não foi digerido por torcedores, cartolas e jogadores. Superar esse cenário negativo e com um grande desgaste físico de seus atletas é a grande missão do técnico Roger Machado. Isso até pode fazer com que Roger promova mudanças ofensivas. Borja e Dudu são os mais ameaçados. Isso permitiria a entrada de Deyverson e Keno como titulares. O meia Felipe Melo, que não pode disputar a final por estar suspenso, deve retomar seu lugar como titular. Moisés é o mais cotado para perder a vaga.

BOCA

Líder do Campeonato Argentino e muito próximo de ganhar o título, o Boca preferiu preservar seus principais atletas para o duelo contra o Palmeiras. Pode até mesmo ganhar alguns reforços para a partida. Entre eles está o atacante Carlos Tévez. Ex-jogador do Corinthians, o atleta está machucado. Depende de novos exames para saber se poderá jogar em São Paulo. Na mesma situação estão o meia Leonardo Jara e Dario Benedetto.

PALPITE PARA O DUELO

O Palmeiras, com certeza, é favorito para o duelo. Joga dentro do Allianz, precisa recuperar sua moral a qualquer custo e o Boca é um rival que traz péssimas lembranças para a equipe alviverde. No entanto, tudo isso vai depender das forças que os jogadores conseguirem juntar depois da perda do título paulista. O Bet90 acredita que, se os palmeirenses jogarem o que sabem, vencerão por 2 a 0, com tranquilidade.

Foto: gazetaesportiva.com