Renato Bernardes     |       20 fev 2018

Duelo argentino nas quadras do Rio Open

O Rio Open começou e com grandes jogos, como o esperado. Thomaz Bellucci saiu na frente, abriu um set a zero, mas levou a virada e caiu na estreia. Rogerinho também perdeu na estreia e com isso os brasileiros vão dando adeus ao torneio. Enquanto isso os argentinos vão crescendo e já estão se classificando. Na segunda rodada teremos Federico Delbonis contra Diego Schwartzman, cabeça de chave número 6. Duelo hermano aos pés do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro. E quem leva essa parada?

DELBONIS PODE SURPREENDER

Federico Delbonis está abaixo de Diego Schwartzman em nível de atuação, mas vem em um bom ano. Chegou às semifinais do ATP de Buenos Aires, perdendo para o esloveno Aljaz Bedene. Na estreia Delbonis passou por Jiri Vesely, que abandonou o jogo quando perdia por um set a zero. A experiência pode ser a chave para Delbonis avançar à terceira fase do aberto do Rio.

SCHWARTZMAN É O FAVORITO

Assim como Delbonis, Schwartzman também teve um adversário que abandonou na estreia. Número 25 do mundo, o argentino ainda precisa convencer no circuito mundial para subir na prateleira dos grandes tenistas. Cabeça de chave número 6 do torneio, Schwartzman tem credencial para disputar o título, mas precisa se impor mais em quadra. Delbonis é um desafio que pode ser mais tranquilo, agora Thiem e Cilic vão exigir muito, mas muito mesmo do tenista argentino.

RETROSPECTO ENTRE OS DOIS

Muito equilíbrio nos encontros entre Diego Schwartzman e Federico Delbonis. Em quatro jogos, duas vitórias para cada lado. Vale lembrar que Diego venceu os dois últimos jogos, no Rio Open 2017 e também no ATP de Istambul. Delbonis venceu no Brasil Open 2017 e também no Rio Open de 2015.

QUEM LEVA ESSA?

Para o jogo o favorito é mesmo Diego Schwartzman. Vitória por dois sets a um na quadra do Jockey Club. Para o título o buraco é mais embaixo, dificilmente Schwartzman deve levantar o caneco no Rio de Janeiro.

Foto: clarin.com