Gilles Muller é favorito, mas tem retrospecto ruim contra Benoit Paire
  Renato Bernardes     |       10 jan 2018

Gilles Muller é favorito, mas tem retrospecto ruim contra Benoit Paire

Reta final de preparação para o Aberto da Austrália que já começa na próxima semana. Dois torneios paralelos chamam atenção nesta época do ano: ATP de Auckland e o de Sidney. Este segundo chegou na fase de quartas de final e no sábado vamos conhecer o grande campeão. Falando nele, o atual vencedor é o tenista Gilles Muller, de Luxemburgo. Ele segue vivo na competição e tem agora um confronto equilibrado com o francês Benoit Paire, talvez o jogo mais parelho dentre os quatro desta fase. Vamos então explicar o motivo de todo esse equilíbrio daqui para frente.

Paire foi mais testado até aqui

Benoit Paire teve uma estreia complicada com o esloveno Aljaz Bedene. Saiu atrás e virou o jogo de três sets com quase duas horas de duração. Na fase seguinte mais uma batalha de três sets, dessa vez com o argentino Leonardo Mayer que já tinha eliminado na estreia um dos grandes nomes da última temporada, o alemão Mischa Zverev. Atual número 42 do mundo, Paire pode sentir nesta partida contra Gilles Muller o peso do desgaste nas últimas partidas, mas no histórico do confronto leva a melhor sobre seu adversário: duas vitórias contra apenas uma de Muller, sendo esta lá em 2011.

Gilles Muller defendo o título de Sidney

Atual campeão do ATP de Sidney, o tenista de Luxemburgo teve uma estreia tranquila contra o australiano John Millman, dois sets a zero em pouco mais de uma hora de jogo. Número 25 do mundo, Muller tem uma carreira muito mais consolidada que a de seu adversário e por isso, apesar de estar atrás no histórico do confronto, ainda pode ser apontado como favorito. Levando em conta que tenistas experientes como o italiano Fabio Fognini e o espanhol Feliciano Lopez têm avançado com facilidade em Sidney, Muller tem tudo para entrar nessa onda e chegar às semifinais.

Quem leva essa?

Jogo duro, com grande probabilidade de três sets disputados. A vitória deve ficar com o favorito e atual campeão Gilles Muller. A chance é grande do vencedor do torneio sair deste confronto pelas quartas de final em Sidney.

Foto: atpworldtour.com