Renato Bernardes     |       16 mar 2018

Indian Wells é a chance de reafirmação de Milos Raonic

As semifinais do Masters 1000 de Indian Wells chegaram e um dos nomes que pode fazer frente a Roger Federer é o canadense Milos Raonic. O tenista vem fazendo uma campanha bem sólida no torneio e isso não é novidade. Vamos relembrar agora a história de Raonic nas quadras californianas e quais são as chances dele daqui para frente. Raonic, que já foi um top 3 do mundo, conviveu recentemente com lesões e busca agora voltar a ter papel de destaque no circuito mundial.

CAMPANHA NESTA EDIÇÃO

Raonic estreou contra o compatriota Auger-Aliassime e não teve dificuldades, vitória por dois sets a zero em um duplo 6/4. Na rodada seguinte veio o português João Sousa e o primeiro set perdido. Vitória por dois sets a um, 7/5, 4/6 e 6/2. O grande desafio seria o experiente cipriota Marcos Baghdatis, mas por uma indisposição o jogo nem aconteceu. W.O. marcado e vaga garantida nas quartas de final. Finalmente testado contra o gigante Sam Querrey, Raonic conseguiu devolver bem os fortes saques do americano e venceu por dois sets a um, 7/5, 2/6 e 6/3. Vaga garantida na semifinal.

VOLTANDO À BOA FASE

Em 2016 o canadense Milos Raonic chegou à grande decisão, mas foi derrotado por Novak Djokovic. Agora o tenista está de volta à uma semifinal de Masters 1000 desde o aberto de Paris, também em 2016. Aliás, 2016 foi o último grande ano da carreira de Milos Raonic, quando venceu seu último título na carreira, o ATP de Brisbane. Ao todo são 8 troféus conquistados no circuito mundial.

PODE SER CAMPEÃO?

Milos Raonic busca grandes resultados novamente. Um título de Masters 1000 seria um ótimo começo. Um tenista que já tem 3 vitórias contra Roger Federer não deve ser descartado, mas a parte física pode pesar. O palpite é mesmo que o título não fique com Raonic, mas esta tem tudo para ser a temporada de reafirmação do canadense.

Foto: news.com.au