Renato Bernardes     |       05 fev 2018

Wawrinka a caminho do 1° título em 2018

Depois do Aberto da Austrália os principais tenistas do circuito masculino rodam o mundo em busca de pontos para o próximo Grand Slam da temporada, Roland Garros, que só acontece em maio. Até lá alguns torneio se destacam, entre eles o ATP de Sofia, que conta com grandes nomes como o suíço Stan Wawrinka, Gilles Muller e Adrian Mannarino. Hora de saber quem é mais favorito desses três e quem pode surpreender.

STAN WAWRINKA VOLTA COM TUDO

Número 15 do mundo, o suíço sofreu uma série lesão no joelho na metade final do ano passado e precisou de meses de recuperação. Seu primeiro torneio foi já o Australian Open, que avançou apenas uma rodada antes de ser eliminado por Tennys Sandgreen. Com menos pressão e em fase final de recuperação, o ATP de Sofia deve ser a virada de chave de Wawrinka nesta temporada, de olho já nos principais torneios. Com a ausência de Grigor Dmitrov, atual campeão, o suíço é o grande favorito ao título.

GILLES MULLER CORRE POR FORA

Apesar do desempenho abaixo do esperado no Aberto da Austrália, o tenista de Luxemburgo constantemente tem grandes performances nos torneios de início de temporada. Muller caiu na terceira rodada do Grand Slam australiano, mas avança muito mais em Sofia, com certeza. O provável confronto com o francês Mannarino na semifinal deve ser o grande desafio numa possível corrida até a final.

MANNARINO É A ZEBRA

Adrian Mannarino ocupa atualmente a posição número 25 do ranking da ATP e não tem grandes resultados em sua carreira. Apesar disso a temporada passada o credencia como cabeça de chave número 2 no ATP de Sofia. Difícil ver o francês desbancar Gilles Muller ou Stan Wawrinka.

ELE LEVA O TROFÉU

Difícil, mas muito difícil mesmo alguém tirar o título do ATP de Sofia das mãos de Wawrinka. Além do nível acima dos adversários, Wawrinka só teria um grande confronto na decisão contra Muller ou Mannarino, até lá só tenistas que não devem dar trabalho ao suíço.

Foto: beIN SPORTS